Receba noticias em seu Whatsapp gratis



Eduardo Paes, do DEM, é eleito prefeito do Rio de Janeiro | Jornal em Destaque

Eduardo Paes, do DEM, é eleito prefeito do Rio de Janeiro

Eleito pela terceira vez, ele venceu Crivella (Republicanos) com o dobro de votos do atual prefeito



Eduardo Paes, do DEM, é eleito prefeito do Rio de Janeiro

29/11/2020 19:18 ( Atualizado em 02/12/2020 18:02) | Rio de Janeiro | Eleições 2020 |

Helio de Carvalho

Por G1 RJ

Eduardo Paes (DEM) foi eleito neste domingo (29) prefeito do Rio de Janeiro. Será o terceiro mandato do bacharel em direito de 51 anos, que já governou a cidade entre 2009 e 2017.


"A primeira mensagem que eu queria passar é de agradecimento, aos cariocas q foram às urnas e acreditaram nas nossas propostas", disse o eleito, ao lado do presidente da Câmara, Rodrigo Maia.


Com 96,42% das urnas apuradas, às 18h10, Paes somava 1.575.147 votos, ou 64,21% dos válidos, derrotando o atual prefeito, Marcelo Crivella (Republicanos), que tinha 878.142 votos (35,79%) – Plataforma de apuração de votos do Em Destaque.


Paes liderava em todas as zonas eleitorais do Rio.


O vice-prefeito eleito é Nilton Caldeira, um dos fundadores do Partido Liberal (PL).

 

Primeiro governo


Nos dois primeiros mandatos, entre seus feitos, Paes foi o anfitrião das Olimpíadas e Paralimpíadas de 2016. Para tal, remodelou partes da cidade, como a Zona Portuária, derrubando o Elevado da Perimetral. Ainda inaugurou o Parque Madureira e o Centro de Operações Rio.


Paes também fez mudanças no transporte, implantando o sistema de ônibus exclusivos do BRT e reordenando as linhas regulares.


No seu plano de governo para 2021-2025, Paes lista 12 objetivos centrais, como a restauração da qualidade de serviços básicos: saúde, educação e transportes.


Segundo Paes, a recuperação da situação financeira passa pelo pagamento dos salários em dia e "a retomada dos sistemas de meritocracia".

 

Biografia


Eduardo Paes foi eleito prefeito do Rio pela 3ª vez (Foto: Marcos Serra Lima/G1) Eduardo Paes foi eleito prefeito do Rio pela 3ª vez (Foto: Marcos Serra Lima/G1)

Eduardo da Costa Paes nasceu em 14 de novembro de 1969, no Rio de Janeiro. Formado em direito pela Pontifícia Universidade Católica do Rio (PUC-RJ), o peemedebista é casado e tem dois filhos.


Paes começou sua carreira política em 1993, quando assumiu a Subprefeitura de Jacarepaguá e da Barra, na primeira gestão do prefeito Cesar Maia (DEM). Em 1996, na época do PFL, foi o vereador mais votado do Rio de Janeiro, com 82.418 votos.


Ainda no PFL, elegeu-se deputado federal em 1998 com 117.164 votos. Quatro anos depois, foi reeleito com 186.221 votos.


Em 2006, Eduardo Paes concorreu ao governo do Rio pelo PSDB, mas obteve só 5,3% dos votos válidos.


Em 2007, foi convidado pelo governador Sérgio Cabral (PMDB) para assumir a secretaria de Turismo, Esporte e Lazer.


Sua primeira vitória para o Palácio da Cidade foi em 2008, quando derrotou Fernando Gabeira em um disputado segundo turno. Paes teve 1.696.195 votos (50,83% dos válidos), contra 1.640.979 (49,17%) de Gabeira.


Em 2012, Paes foi reeleito prefeito do Rio de Janeiro em primeiro turno. Então pelo PMDB (hoje MDB), teve 64,60% dos votos válidos (2.097.733) — Marcelo Freixo (PSOL), o segundo colocado, somou 28,15% (914.082).

 

Plano de governo


O programa objetiva melhorar a qualificação de guardas municipais para que atuem em defesa da integridade física e patrimonial, principalmente em áreas comerciais e movimentadas.


O candidato cita também a redução dos níveis de pobreza, ampliando o programa Cartão Família Carioca, e a priorização de investimentos sociais em locais pobres para melhorar a qualidade dos serviços públicos.

 

O que disse Paes na campanha


Se eu tiver a honra de ser prefeito de novo, vou ser até o fim. Não quer dizer que não deseje ser governador, um dia. Mas certamente não em 2022. Vou cumprir o mandato até 2024. Se vou ser candidato à reeleição, é outra história.


A gente sabe que não foi tudo perfeito, mas o carioca tem na memória que na nossa gestão as coisas eram muito melhores. A gente conhece os problemas dos cariocas e sabe como administrar e conhece a prefeitura. É preciso que a gente tenha gestão e que a gente tenha capacidade de trabalho e muito amor ao Rio.




(Foto manchete: REUTERS/Sergio Moraes)


A você que chegou até aqui, agradecemos muito por valorizar nosso conteúdo!
Ao contrário da mídia corporativa, o Jornal Em Destaque se financia por meio de sua própria comunidade de leitores e, assim, mantém acesso livre a todos os seus canais.
Você pode apoiar o ED de diversas formas.

Veja como clicando aqui







PALAVRA DO ASSINANTE SOBRE Eduardo Paes, do DEM, é eleito prefeito do Rio de Janeiro

Exibindo 0 Comentários


Quer comentar a matéria?




 
  • Política de Erros
  • Política de Privacidade
  • Termos de Uso
  • Sobre o Jornal em Destaque
  • Contato
  • JORNAL EM DESTAQUE | Todos os Direitos Reservados