Miguel Pereira 16 º 28 º
Moedas





Receba noticias em seu Whatsapp gratis







Libras



Duas semanas após visitar a Aldeia de Arcozelo, presidente da Funarte é exonerado | Jornal Em Destaque por Helio de Carvalho em Arte e Cultura

Duas semanas após visitar a Aldeia de Arcozelo, presidente da Funarte é exonerado



Duas semanas após visitar a Aldeia de Arcozelo, presidente da Funarte é exonerado Classificação

17/10 14:25 ( Atualizado em 05/04/2021 16:18) | Brasília | Arte e Cultura |

Helio de Carvalho

O coronel da reserva do Exército Lamartine Barbosa Holanda foi exonerado da presidência da Funarte (Fundação Nacional das Artes). Seu afastamento foi assinado pelo secretário-executivo da Casa Civil, Sergio José Pereira, e publicada em edição extra do DOU (Diário Oficial da União) ontem (31), sem que fosse especificado o motivo. Esta é a sexta troca no comando da fundação desde o início do governo do presidente Jair Bolsonaro (sem partido).


Em seu perfil no Twitter, o secretário Especial da Cultura, Mario Frias, atribuiu a mudança no comando da Funarte à "necessidade de reestruturação" da fundação. Frias disse que esse é "o primeiro passo para mudanças necessárias em busca da popularização da cultura".


Lamartine estava à frente da Funarte desde setembro do ano passado e visitou a Aldeia de Arcozelo (Paty do Alferes, RJ) poucas horas após o desabamento do telhado, que aconteceu na noite de 11 para 12 de março, passado.


LEIA TAMBÉM “ALDEIA DE ARCOZELO. Telhado do maior centro cultural da América Latina desaba


O então presidente da Funarte se mostrou solícito e encheu de esperança a população de Paty do Alferes, em especial a classe artística e pessoas ligadas à Cultura.


ASSISTA A ENTREVISTA DADA COM EXCLUSIVIDADE AO ED:



Lamartine havia substituído Luciano da Silva Barbosa Querido, ex-assessor do vereador e filho do presidente, Carlos Bolsonaro (Republicanos-RJ). 


Antes dele, passaram pelo cargo:

- Stepan Nercessian: ator nomeado ainda no governo Michel Temer (MDB)

- Miguel Proença: pianista nomeado em fevereiro de 2019

- Dante Mantovani: maestro, que assumiu a entidade pela primeira vez em dezembro de 2019, foi demitido quatro meses depois e reconduzido em maio de 2020

- Luciano Querido: ex-assessor de Carlos Bolsonaro.


Com a exoneração de Lamartine, a sensação é de que, além do telhado, foi ao chão também a esperança de restauração e reativação da Aldeia de Arcozelo.


Criada em 1975, durante a ditadura militar, a Funarte tem a missão de promover e incentivar a produção, a prática, o desenvolvimento e a difusão das artes no país. A entidade é responsável pelas políticas públicas federais de estímulo à atividade produtiva artística brasileiras. Atualmente, a fundação é vinculada ao Ministério do Turismo.









Gostou deste assunto?

Seus amigos também podem gostar:

Compartilhe!














 
  • Política de Erros
  • Política de Privacidade
  • Termos de Uso
  • Sobre o Jornal em Destaque
  • Contato
  • JORNAL EM DESTAQUE | Todos os Direitos Reservados



    DESENVOLVIDO POR
    RIOBRASIL