Receba noticias em seu Whatsapp gratis







Libras



Rio de Janeiro será sede do Pré-Olímpico de Vôlei | Jornal Em Destaque por Helio de Carvalho em Esportes


Ouça a Noticia!

Rio de Janeiro será sede do Pré-Olímpico de Vôlei

Maracanãzinho será o palco do evento, entre 30 de setembro e 8 de outubro. Governador Cláudio Castro confirmou o lançamento da candidatura do Rio à Copa do Mundo do vôlei de praia



Rio de Janeiro será sede do Pré-Olímpico de Vôlei Classificação

Postado há 11 meses | Rio de Janeiro | Esportes |

Helio de Carvalho

O Rio de Janeiro vai voltar a ser a casa do vôlei e recebe, entre os dias 30 de setembro e 8 de outubro, o Pré-Olímpico masculino da modalidade, no Maracanãzinho. O anúncio foi feito pelo governador Cláudio Castro, durante evento no Palácio Guanabara, nesta quarta-feira (15). A competição é uma seletiva para os Jogos Olímpicos de Paris 2024. Durante o evento, Castro ainda revelou mais duas grandes novidades no cenário esportivo no estado: o Rio também vai receber uma etapa da Liga das Nações masculina e feminina em 2024 e o lançamento da candidatura à Copa do Mundo de vôlei de praia em 2025.


Acompanhado do secretário de Estado de Esporte e Lazer, Rafael Picciani, do presidente em exercício da Confederação Brasileira de Voleibol (CBV), Radamés Lattari Filho, e do técnico da Seleção Brasileira de vôlei masculino, Renan Dal Zotto, o governador Cláudio Castro destacou a importância de trazer o Pré-Olímpico para o Rio de Janeiro.

Quando assumi o governo, há dois anos e meio, o Rio de Janeiro tinha se afastado do mundo dos esportes. Desde então, estamos fazendo um trabalho de resgate dos grandes eventos esportivos no estado. O Governo vai investir, por meio da Secretaria de Esporte e Lazer, R$ 11 milhões para trazer o Pré-Olímpico de vôlei de quadra masculino. Estamos voltando a ter credibilidade e a confiança dos gestores. O Rio está pronto na rede hoteleira, nos serviços e na segurança pública. Ter um campeonato dessa grandiosidade é motivo de orgulho para nós e para todo cidadão fluminense”, declarou Castro.


O Pré-Olímpico de vôlei vai reunir na capital fluminense oito seleções de diferentes países na disputa por uma tão sonhada vaga para os Jogos em Paris. Ao todo, são realizados três Pré-Olímpicos no mundo. Além do Brasil, China e Japão recebem a seletiva no mesmo período. Cada país sede do evento tem oito seleções na disputa, somando 24 times de diferentes países que se enfrentam na busca por seis vagas para os Jogos Olímpicos - duas por país que recebe o evento. Os grupos de cada sede serão definidos nesta sexta-feira (17), em um sorteio em Lausanne, na Suíça.

O esporte é um meio transformador de vidas, além de alavancar a economia do Estado. Traz também valores e ensinamentos que são imensuráveis. Ter um evento desse porte aqui é de suma importância para a sociedade. Sinto-me privilegiado em estar fazendo parte deste período do Governo do Estado, que é de reconstrução. O Rio entra num novo cenário de consolidação para eventos esportivos”, declarou o secretário de Estado de Esporte e Lazer, Rafael Picciani.


Liga das Nações confirmada para o próximo ano e Copa do Mundo de vôlei de praia à vista.
A etapa da Liga das Nações de vôlei masculino e feminino também vai aterrissar no Rio de Janeiro. As disputas serão em maio e junho de 2024, um mês antes dos Jogos em Paris. Enquanto isso, o lançamento da candidatura à Copa do Mundo de vôlei de praia em 2025 já é uma realidade.
Durante o evento, o presidente em exercício da Confederação Brasileira de Voleibol (CBV), Radamés Lattari Filho, ressaltou a importância do fortalecimento do calendário esportivo no estado.

Estou muito feliz com o empenho do Governo do Estado em retornar o Rio com a capital do esporte. Agradeço ao governador e aos demais envolvidos em trazer o Pré-Olímpico de vôlei, além de outros eventos esportivos, para o nosso estado”, pontuou Radamés.
O capitão da Seleção Brasileira de vôlei de quadra, Bruninho, também deixou um recado sobre a importância de o Rio sediar o Pré-Olímpico de vôlei.

Ter o Pré-Olímpico de vôlei de quadra masculino no Rio de Janeiro e no Maracanãzinho, local que nos traz as melhores recordações possíveis, como o ouro olímpico de 2016, é motivo de orgulho para todos nós. Além disso, ter a seleção jogando no nosso país e com a nossa torcida nos traz ainda mais motivos para comemorar”, finalizou Bruninho.

____________

Apoie o Em Destaque seguindo o site e as redes sociais deste jornal que virou fonte de notícias do Google News, e que há mais de dois anos disponibiliza conteúdo nos principais tocadores de podcasts. Em Destaque, o jornal local sem fronteiras para a notícia!






Gostou deste assunto?

Seus amigos também podem gostar:

Compartilhe!














 
  • Política de Erros
  • Política de Privacidade
  • Termos de Uso
  • Sobre o Jornal em Destaque
  • Contato
  • JORNAL EM DESTAQUE | Todos os Direitos Reservados



    DESENVOLVIDO POR
    RIOBRASIL