Receba noticias em seu Whatsapp gratis



Cair no buraco! A diversão de fim de ano em Miguel Pereira | Jornal em Destaque


Ouça a Noticia!

Cair no buraco! A diversão de fim de ano em Miguel Pereira

“Cidade propõe a moradores e turistas a experiência de dirigir sobre crateras lunares como programação de Natal e Ano Novo”



Cair no buraco! A diversão de fim de ano em Miguel Pereira

26/12/2019 15:29 | Miguel Pereira | GERAL |

Helio de Carvalho

Antes de chegar ao seu destino na “cidade dos sonhos”, visitantes e turistas precisam, inevitavelmente, passar por um verdadeiro pesadelo: a buraqueira nas ruas e estradas de Miguel Pereira!


Enquanto o prefeito André Português levanta outdoors com o desenho de seus sonhos futuros – sempre com a expressão “em breve” ou “futuramente” –, o presente de quem vive e passa por Miguel Pereira é de gasto extra com oficina, peças e pneus de seus carros. A situação é tão crítica que nem os 4X4 saem ilesos. O estado de abandono das ruas da cidade é a mais contundente mensagem, a todos que dependem delas, de que o governo municipal gira em torno da cabeça do prefeito e não das reais necessidades da população.


Na última sessão da Câmara Municipal, o representante do governo e primo do prefeito, o vereador Vitor Ralha, se pronunciou com duras críticas à empresa de transportes responsável pelas linhas municipais, baseado em um caso isolado de um ônibus que quebrou, da linha Centro x Vera Cruz. É claro que tal serviço deve atender a contento seus usuários, entretanto, o vereador esqueceu de incluir em seu discurso a quantidade de carros particulares e de empresas que trafegam pela cidade e que, igualmente ao ônibus, estão quebrando e gerando enormes prejuízos diariamente aos seus proprietários. O vereador falou de tarifa cara, mas não falou absolutamente nada sobre o que o Executivo pretende fazer para melhorar as condições das vias – o que também impacta no valor de tarifas. Fato é que o governo municipal não tem moral para falar de serviços prestados por ninguém que dependa dessas estradas!


Para quem sonha com uma cidade turística, pensar e agir na manutenção de suas vias de acesso, especialmente a hotéis, pousadas e localidades de apelo turístico é o mínimo que se pode esperar de um administrador municipal. Completando três anos de governo, a atual gestão não conseguiu sequer melhorar o acesso ao centro da cidade.


A administração passada conseguiu junto ao governo do estado uma estrada totalmente recapeada, em 22 de janeiro de 2016, período em que o estado e o país amargavam a maior crise econômica dos últimos 80 anos. O Governo do Rio, que tinha por executivo Luiz Fernando Pezão, entregou a pavimentação de 35 km de extensão, da RJ 125, abrangendo os serviços de drenagem, terraplanagem, contenção, alargamento de ponte, implantação de acostamento, zoopassagem e sinalização. Durante a obra foram gerados cerca de 80 empregos diretos e indiretos em Miguel Pereira, que foi de suma importância para o turismo, para o comércio e para os moradores da região. A obra custou aproximadamente R$ 100 milhões e não saiu um centavo do tesouro municipal. André Português, que diz ter uma forte relação com o governador Witzel, teve de usar dinheiro do município e não conseguiu asfalto para seguir até o pórtico. Do alto da serra ao Bramil, motoristas e motociclistas precisam encarar verdadeiras crateras, colocando em risco a vida destes, especialmente à noite – Será que o prefeito convidou a NASA para instalar uma base na cidade e já está propondo a moradores e turistas a experiência de dirigir sobre crateras lunares como programação de Natal e Ano Novo?!


Parece que, como resposta à pública e notória indignação da população aos três anos de muita propaganda enganosa e nada mais, o prefeito teve a cara-de-pau de publicar uma tal pesquisa que aponta 92% de aceitação de seu governo. Só se foram entrevistados nesta “pesquisa” os contratados do prefeito (DAS), que incluem amigos e parentes dele. “Os 8% são os que não recebem gratificação de 100%”.


Além de prometer emprego e gerar desemprego; de se gabar da Educação e não construir uma única escola ou creche; de contar vantagem sobre o turismo e não ter estrada em condições para se ir nem ao Lago de Javary, o prefeito parece subestimar a inteligência dos eleitores de sua cidade com uma pesquisa dessa!

Acredito que a resposta da população não virá do barulho dos privilegiados pelo governo, mas, sim, pelo silêncio dos indignados.


(Foto ilustração)





A você que chegou até aqui, agradecemos muito por valorizar nosso conteúdo!
Ao contrário da mídia corporativa, o Jornal Em Destaque se financia por meio de sua própria comunidade de leitores e, assim, mantém acesso livre a todos os seus canais.
Você pode apoiar o ED de diversas formas.

Veja como clicando aqui







PALAVRA DO ASSINANTE SOBRE Cair no buraco! A diversão de fim de ano em Miguel Pereira

Exibindo 0 Comentários


Quer comentar a matéria?




 
  • Política de Erros
  • Política de Privacidade
  • Termos de Uso
  • Sobre o Jornal em Destaque
  • Contato
  • JORNAL EM DESTAQUE | Todos os Direitos Reservados